segunda-feira, 10 de maio de 2010

Obesidade

Tenho recebido alguns e-mails de proprietários preocupados com os quilos a mais de seus Shelties. Tenho poucas considerações a fazer, afinal não sou veterinária, mas minha experiência com manejo de canil me permite dar algumas dicas. Num cão saudável, as costelas podem ser sentidas na palpação simples. Um gorducho as tem "camufladas" por uma camada firme de gordura.
Um cão só engorda por falta de atividade e excesso de comida ou por algum problema metabólico. Se ele está apenas um pouco acima do peso, e não apresenta outros problemas, como por exemplo de pele ou queda de pelos, apenas corte a zero o fornecimento de "petiscos" e restrinja levemente a quantidade da ração (a comum mesmo). A quantidade sugerida nos sacos de ração geralmente são superiores ao que seu cão realmente precisa, fique atento. Aumente a atividade dele, saindo ao menos duas vezes ao dia, brinque de bolinha, solte-o com outros cães ativos que o incentivem a correr e brincar. Pese-o 1 vez por semana e repare se está surtindo algum efeito. É importante que a ração fornecida seja de excelente qualidade para que nutra, permita uma boa digestibilidade com uma menor quantidade e regularize o trânsito intestinal.
Cães com um nível de obesidade maior precisam ser consultados por um veterinário a fim de que sejam feitas dosagens de hormônios da tireóide, pois o cão pode apresentar hipotireoidismo (que além da obesidade causa problemas de pele e pelagem opaca), bem como uma análise do fígado (órgão muito prejudicado nos cães obesos), função respiratória, cardíaca e ortopédica. Podem ser prescritas dietas especiais, como por exemplo: comida com adição de suplementos ou uso de rações dietéticas (que não são as "light" comuns vendidas em qualquer pet shop) e outros medicamentos que se façam necessários para corrigir o metabolismo, melhorar as articulações (que em animais muito gordos podem encontrar-se prejudicadas) e a qualidade de vida geral do cão.
Cães obesos vivem bem menos do que um de peso normal, cuide do seu!

Nenhum comentário:

Postar um comentário