segunda-feira, 1 de março de 2010

Nina


Esta semana perdi a minha pequenininha Nina. Com quase 11 anos, se foi por causa de um tumor, que ficou escondido, sem sintoma algum. De alguma forma ela teve sorte, pois 2 dias antes de ela falecer eu a vi, e ela brincava, comia, vinha pedir carinho, petisco...não parecia doente de forma alguma. Pelo menos a passagem foi rápida.
A Nina e a Luly vieram pra mim em 2001, com quase 2 anos de idade. Foram importadas do canil Okie´s por um criador de outra raça que ia começar com Shelties, mas desistiu quando se deparou com a necessidade de realização de inseminação, controle adequado do cio, entre outras coisas. Resolveu vendê-las e me procurou.
Muito quietinhas, as duas foram unha e carne a vida toda. A Nina era uma excelente matriz, muito carinhosa e devotada, tinha ninhadas grandes e fortes, chegando inclusive a amamentar e cuidar de filhotes de outras cadelas. Entre seus filhos está a campeã mundial de agility Blanka e a minha campeã Bya. Nina era calma, preguiçosa, obediente e adorava rolar na grama feito doida. De vez em quando arrumava uma encrenca, mas não sabia bater e apanhava, o que lhe gerou algumas "recordações" , entre elas uns dentes quebrados...rs...mas ela não estava nem aí!
Foi uma Sheltie muito digna e linda. Tive sorte que ela veio parar na minha casa, era para ser minha...

Saudade da minha menininha...

Nenhum comentário:

Postar um comentário