terça-feira, 16 de março de 2010

Como fazer a tala de orelha num filhote

Material:

- Fita japonesa importada (melhor opção, vendida somente pela Vania Telles, ou esparadrapo Cremer (encontrado em farmácia)
- algodão
- álcool
- tesoura

Primeiro passo: Limpar a parte de dentro das orelhas com algodão embebido em álcool 96 graus. Caso o cão esteja com muito pêlo dentro do ouvido, dar uma aparada com a tesoura. Peça ajuda para alguém segurar o cão durante o procedimento.
Segundo passo: Cortar 2 quadradinhos da fita ou esparadrapo com cerca de 2 x 2cm, depois cortar 2 retângulos da fita ou esparadrapo com cerca de 5 x 2cm.
Terceiro passo: Colar os quadradinhos na parte interna da orelha, acima do conduto auditivo, conforme a foto:



Quarto passo: Pegar os 2 retângulos de fita ou esparadrapo e juntar as 2 extremidades de cada um deles, deixando a parte colante para o lado de fora. Fica com a aparência de um círculo.
Quinto passo: Colar cada um dos retângulos em cima dos quadradinhos que já estão em cada orelha e dobrar a parte superior (ponta da orelha) por cima. O resultado final deve ficar como na foto em seguida:

   

Após o término do procedimento, massagear as orelhas na parte onde está colada a fita (ou esparadrapo) para melhorar a aderência. Deixar por cerca de 8 dias e trocar a tala, sempre limpando bem qualquer resíduo da cola do material usado. Manter estar tala até o final da troca dos dentes.

Um comentário:

  1. Olá boa noite,

    Sou apaixonada por cães e há 5 anos comprei minha primeira fêmea, hoje tenho 3 shelties e os amo de paixão.

    Quero agradecer a dica para manter a orelha dobradinha, adorei, obrigada.

    Cilene.

    ResponderExcluir